Estamos começando uma nova década e as tendências da arquitetura corporativa para 2020 possuem como principal a sustentabilidade e a criação de ambientes humanizados.

Pensando no futuro do planeta, eremos bastante o uso de materiais recicláveis e prédios autossuficientes.

Por outro lado, quando se fala em arquitetura empresarial, a primeira coisa que vem à mente é a construção de ambientes funcionais que se adequem à rotina de uma empresa.

Contudo, é preciso levar em consideração que os trabalhadores passam maior parte do tempo no trabalho.

Portanto, além de funcional é imprescindível que se crie ambientes estimulantes e confortáveis que amenizem os expedientes extensos.

A seguir, confira 5 tendências da arquitetura corporativa para 2020:

1. Ambientes integrados

Os ambientes compartilhados já fazem parte da arquitetura corporativa e vai continuar nos próximos anos.

Ambientes integrados e com espaços compartilhados favorecem a comunicação e o trabalho em equipe.

Ambientes integrados e com espaços compartilhados favorecem a comunicação e o trabalho em equipe.

A integração de diferentes áreas para criar ambientes polivalentes permite a otimização do espaço e integração entre as equipes.

Dessa forma, haverá a constituição de ambientes mais versáteis e práticos.

2. Espaços descontraídos e mais coloridos

Sedes de trabalho descontraídas estão cada vez mais valorizadas. Ambientes monocromáticos e sóbrios ficaram para trás.

A tendência para arquitetura corporativa são projetos criativos, coloridos e modernos, mantendo, é claro, a funcionalidade do ambiente de trabalho.

As cores podem estar tanto nas paredes quanto nos mobiliários e elementos de decoração.

As cores podem estar tanto nas paredes quanto nos mobiliários e elementos de decoração.

As cores podem ser usadas em papéis de parede, objetos de decoração ou até mesmo no mobiliário. Vale ressaltar que a paleta de cores deve ser pensada de modo que combine com a identidade da empresa.

E a combinação desses tons deve influenciar no estímulo à produtividade, concentração e criatividade dos colaboradores.

Na arquitetura corporativa, esses ambientes são chamados de fun design.

3. Vegetação e ambientes naturais

Trazer para os ambientes corporativos elementos da natureza é uma tendência que está ligada tanto à sustentabilidade quanto à criação de ambientes humanizados.

Isso porque, as plantas melhoram a qualidade do ar e ainda são elementos capazes de promover o bem-estar e aliviar o estresse.

O jardim vertical é uma opção para quem tem pouco espaço e deseja incluir vegetação no ambiente corporativo.

O jardim vertical é uma opção para quem tem pouco espaço e deseja incluir vegetação no ambiente corporativo.

A projeção de ambientes com a entrada da luz do sol também faz com que os colaboradores se sintam mais estimulados e confortáveis em trabalhar.

Elementos naturais, como jardins verticais, inclusão de flores, plantas e luz natural garantem maior conexão com a natureza e o desenvolvimento de ambientes leves e aconchegantes.

4. Design sustentável

Como falamos anteriormente, a sustentabilidade cada vez mais tem se incorporado nos projetos arquitetônicos.

A preocupação com o meio ambiente incorporada na cultura organizacional é vista com bons olhos tanto pelo público interno quanto externo.

O uso de madeira de demolição é uma das opções sustentáveis que podem ser adotadas pela empresa.

O uso de madeira de demolição é uma das opções sustentáveis que podem ser adotadas pela empresa.

Assim, o que veremos nas tendências para a arquitetura corporativa para 2020 é o máximo aproveitamento dos recursos naturais, como a ventilação e a luz natural, o que faz com que se constitua um ambiente de trabalho mais agradável e, ao mesmo tempo, seja feita economia.

O uso de materiais que seriam descartáveis, como madeira de demolição, promoção de projetos de reciclagem, telhados verdes, lâmpadas de baixo consumo, captação de água de reuso, uso de fontes de energia alternativa e entre outros pontos também fazem parte dessas soluções sustentáveis.

5. Uso do estilo industrial

O estilo industrial está se tornando um dos queridinhos quando o assunto é projeto de arquitetura corporativa.

Nesse tipo de conceito há o contraste do moderno com o vintage. Assim, há inclusão de elementos de decoração rústico, como calhas aparentes, tubulações, trilhos de iluminação, etc.

E também o uso de cores nessa pegada mais rústica, como o marrom e o cinza e o aproveitamento de elementos como cavaletes, peças de madeira, etc.

O estilo industrial alia elementos rústico com uma aparência moderna e marcante.

O estilo industrial alia elementos rústico com uma aparência moderna e marcante.

O concreto aparente pode ser usado tanto nos pisos como na parede. Esta é uma ótima opção para ambientes modernos e aconchegantes.

Agora que você já sabe as tendências da arquitetura corporativa para 2020, que tal fazer uma mudança na sua empresa ou escritório? Entre em contato com a T2 Arquitetura e Engenharia e solicite um orçamento.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *